segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

E aqui estou de volta! Só por enquanto

Essa é com certeza uma postagem póstuma, algo parecido com o que Brás Cubas faz em suas memórias. A diferença é quem morreu não foi eu, foi essa página cinza e complicada, morta em meados de outubro do ano passado. 

Não sei quantas pessoas chegaram a ler de fato a última postagem por aqui, mas ela dizia que aquele seria o fim do blog, que nada mais seria escrito nessas páginas, e blá blá blá. Acabei deixando uma margem de esperança naquelas palavras, dizendo sempre "por enquanto". Não foi apenas graça isso.

Ao terminar o último texto, eu tinha em mente duas coisas: a primeira era que eu precisava fechar o blog a qualquer custo porque me parecia que ele tinha cumprido seu dever, que era tentar diminuir a confusão de minha mente; e a segunda era que eu precisava começar algo novo, algo verdadeiramente novo pra mim e que não ficasse na mesmice dos sofrimentos de várias almas. Ao fechar o Labirinto Silencioso, eu queria diminuir a dor que existia nele; eu não queria que as pessoas vissem mais aquela dor fragmentada em palavras. Fora outros acontecimentos que me fizeram fazer o que eu fiz. 

Mas a situação agora é um pouco mais feliz: eu voltei a escrever textos, mas não mais aqui; depois dessa postagem, nunca mais aqui. Eu criei outro blog, algo menos melancólico, por enquanto. Lá eu pretendo não somente lançar meus textos novos, como também colocar alguns dos textos do Labirinto Silencioso que eu gostei, rascunhos que eu nunca postei, poesias, poemas e resenhas. Sim, resenhas! Estou com a intenção de escrever sobre livros, filmes, séries e música um pouco. Minto. Um pouco não; bastante. 

O novo blog se chama "A realidade em fuga". Peguei o nome a partir da leitura de um livro (que eu não vou dizer qual!) e achei que ele se encaixasse perfeitamente, afinal, sempre estamos tentando fugir um pouco da realidade lendo, ouvindo ou assistindo alguma coisa. E o legal é dessa vez não quero fazer algo extremamente solitário. Quem quiser se unir a mim e lançar seus próprios textos e resenhas pelo blog, pode se unir perfeitamente a campanha! 

Então, é isso. Deixo todo o meu carinho para aqueles que acompanharam a trajetória do Labirinto Silencioso e que leram todas aquelas dores, que foram sempre verdadeiras. Foi um prazer "conversar" com vocês e um prazer ainda maior ler os comentários de vocês em relação aos textos. Sempre ficava alegre em ver alguém com uma opinião formada e que queria me dizer. Apesar de terem sido dois anos complicados e carregados de incertezas e desamores, foi ótimo me sentar e extravasar um pouco disso e foi ainda melhor receber um público como vocês. Agradeço do fundo do meu coração por vocês terem entrado aqui, nem que tenha sido apenas uma vez.

Deixo aqui, além dos meus agradecimentos, o link do novo blog e o link do meu Twitter, que tem sido a rede social que mais tenho usado nos últimos dias. Espero que continuemos nossas "conversas" por mais tempo através desses dois links.

Meu twitter: http://twitter.com/gabefiel ou apenas @gabefiel



O Labirinto Silencioso te agradece!